Livro

Sobreviver…

É seguramente um ato de coragem…

Tradução de um passado…

A inconstância de um presente…

Num futuro temido…

No respiro dos mortais…

Existe um nome…

Um sobrenome…

E pouco mais…

Crescer é uma regra!...

Ajoelha-se a dor…

Desacreditei no Ser Maior…

Perdi o chão…

Construí uma jangada…

E fui por aí…

Olhando o nada…

Vi tanto!...

Tudo se foi…

Num expresso de fumaça…

Pensei!...

E porque a vida sou tão eu…

Por quem me tomas solidão?...

Comprometida eu sou…

Viajo no destino…

Na mala as lembranças…

Na alma o sorriso…

A paz na algibeira…

A coragem uma condição!...

A voz… A razão pra sonhar…

O mar é o meu céu!...

O céu é o meu mar!...

Peregrina na embarcação da vida…

Implorar não chega!...

Quero viver…

Enquanto estou viva…

Há sempre uma nova Primavera!...

O Mundo nos pés…

Dorme a noite no ombro cansado…

Em passos acetinados…

Nas vestes de um anjo…

Mãos rasgadas de dor…

Gritei!...

Deixem passar a voz…

A vida mostrou-me misericórdia!...

E eu decidi vivê-la…

Uma fita de longa duração…

Quem fui… Quem sou!...

Sou o que sou…

Um coração que bate…

Uma alma que respira…

A incerteza é inestimável…

A determinação intransponível!...

E eu pensei…

Viver… É somente respirar!...

Agasalhei o corpo…

Escutei o coração… Falar de amor!…

Abri os olhos… Encontrei a paz!...

Num sopro perfumado…

Os sonhos ganham vida!...

Pulei a cerca…

Abracei o amor…

Ganhei ao tempo!...

O momento… O meu!...

Escrevi o livro…

Que a vida não leu!...

Cartas marcadas…

Amanhã ou depois… Como será?...

Uma porta entreaberta?...

A vida é uma reserva…

Irei vivê-la… Prometo!...

No pátio do Mundo…

Vastidão intocável!...

Num rasgar de olhos…

Há cheiro a terra e a mar!...

Melodias… E poetas!...

Gente que sente… O amor e a dor…

Que grita quando nasce…

Gente que morre de pé!...

Na curva do tempo…

O café e um cigarro…

O grito calado… A Fé o sustento!…

Momentos de oração…

Já faz tempo!...

O Mundo é redondo…

O voo das aves…

Respiro o sossego!...

E o passado… Não lembro mais!...

Haja tempo…

Não que eu queira ser mais…

Mas ser um pouco mais…

De tudo o que sou…

Do que vejo… E não enxergo!...

Do que sinto… E não expresso!...

Num Mundo que é cego…

Já faz tempo!... Que o eco era surdo…

Já não é mais…

Expiro selvagem…

Onde um Deus Maior que os homens!...

Repete descaradamente…

Almas viajantes… Saciemos o ser…

O estar e saborear…

Espaço ou matéria…

Imortalizará este meu sentir…

 

AUTOR

Filomena Vilas Boas nasceu a 4 de Agosto de 1964 em Massarelos, na cidade do Porto.

É filha de um Pintor das Belas Artes, José Vilas Boas, e de Maria Amélia Batista, doméstica, com mais quatro irmãos, sendo um deles seu gémeo.

Frequentou a Escola Artística Soares dos Reis, mantendo sempre a escrita como um dos passatempos prediletos.

Com 22 anos conclui um estágio no Hospital Geral de Santo António no Porto e segue a carreira de Técnica de Radiologia.

Aos 24 anos casa e é mãe aos 25 anos do primeiro filho, voltando a ser mãe aos 36 anos.

Decide, nesta altura, mudar de vida profissional e torna-se empresária.

Após a trágica morte da mãe, por erro humano, conclui o curso de Técnica de Geriatria.

Com 51 anos põe fim a um casamento com 27 anos de duração.

Sonhadora por natureza e determinada na sua essência, sempre uma apaixonada pelas letras, mantém a escrita como um refúgio. Assim, decide criar as suas páginas no Facebook e começa a publicar em “Momentos”, “Momentos II”, “Palavras que visto” e “Expresso das Letras”. No espaço de um ano e meio reúne, aproximadamente, quatrocentos seguidores e cerca de 1460 visualizações.

Fazendo justiça a uma das suas características mais vincadas afirma que o “sonho não morre”, sendo um dos seus objetivos a publicação de um livro, como concretização desse mesmo sonho, como registo revelador da sua inquietude, irreverência e muita determinação nas escolhas.

Deambulando pela poesia, coloca-nos perante os primeiros Momentos que desdobra em Momentos II, vestindo-se de Palavras que a fazem embarcar num Expresso das Letras. 

Copyright (C) 2017 Edições Vieira da Silva LDA. Todos os direitos reservados.

design by LAYOUT